Avançar para o conteúdo principal

May the force be with you...

No sábado fomos à festa de uma amiga que está de partida com a família para novas aventuras, mas não é sobre isto que vos vou escrever hoje, até porque isto puxa à lágrima no canto do olho e eu não vos quero estragar a maquilhagem!

Hoje vou falar-vos de como nós, “os 40”, é que sabemos curtir! As festas geralmente começam cedo (não precisamos de esperar pela meia noite para sair de casa até porque até lá adormecemos, por isso mais vale sair cedo), mas acabam tarde e quando digo tarde, digo madrugada fora (esta malta de 40 é uma cambada de românticos e gosta de ver o sol nascer). Bebemos q.b. (eu diria alguns bons litros, mas aguentamos-nos bem até porque já andamos nisto há muito tempo e a resistência é muita), sem cair para o lado e sem partilhar o conteúdo do nosso estômago com os amigos (até porque nos retiramos antes disso acontecer e depois em casa cada um faz o que quer). Dançamos como se tivéssemos 20 anos outra vez, ao som de músicas com quase tantos anos como nós (no dia seguinte não nos mexemos, mas isso é só no dia seguinte) e divertimos-nos à brava (coisa que eu acho que os miúdos de hoje não sabem fazer, porque ao fim de 1h já caíram para o lado)! As únicas figurinhas tristes que fazemos é quando usamos aquelas coisas no telemóvel, tipo o boomerang, mas isso qualquer um faz, certo?

Sem desmérito para qualquer outra geração, a nossa é sem dúvida a melhor! Somos assim um "mix mox" de alta qualidade, até porque primeiro nascemos nos loucos anos 70, vivemos boa parte da nossa adolescência nos anos 80, que é sem dúvida a década de "melhor tudo"! Tivemos a melhor música, e a prova disso é que continuamos a ouvir na rádio Guns N`Roses, Madonna, Queen ou Prince, já para não falar nos 500 mil remixes (e só a título de exemplo, a minha filha de 7 anos este ano cantou Michael Jackson no concerto do colégio); os melhores filmes, quem não viu 10 vezes (e obrigou os filhos e os sobrinhos a ver) o Top Gun, ET ou Regresso ao Futuro que atire a primeira pedra, e isto só para mencionar alguns, porque a lista é grande e das boas. Os anos 80, se bem se lembram, foram também prósperos em desenvolvimento tecnológico, o aparecimento dos CDs, Pcs e Macintoshs foram como que um estágio para o que vinha aí nos anos 90 e 2000 e nós, modernaços que somos, não perdemos nem 1 megabite da coisa. Os 80 são a famosa década das ombreiras, das all-star e das calças de ganga de cintura subida, é-vos familiar esta imagem? (muito provavelmente já viram a vossa filha, a sobrinha ou a amiga da filha da vizinha nesta figurinha e, no fundo no fundo, vocês também gostavam de andar assim; eu continuo fiel às all-star, as ombreiras já as vi lá por casa e a cintura subida já esteve mais longe). Entretanto (vamos lá rematar isto que o post já vai longo) já passámos a década de 90, e vamos bem lançados em 2000, sempre com distinção em todas as matérias (que os novos tempos (e os filhos) assim obrigam) mas como é lógico, sem nunca perder o glamour dos 80!

Para continuares a curtir como se ainda tivesses 20

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Oferta de uma sombra de olhos em rosa metalizado!

Querem ganhar esta sombra creme de olhos, rosa metalizado, da marca 3INA (pronuncia-se Mina), que é resistente à água, de longa duração e que vos vai deixar ainda mais bonitas nestas festas natalícias? Vejam em baixo como!
Mas antes deixem-me dizer-vos que a marca 3INA foi criada em 2014 e é inteiramente fabricada na Europa. Esta nova linha de produtos de maquilhagem, para além da garantia de qualidade a preços muito acessíveis, é livre de parabenos e não faz testes em animais. 
Eu estou completamente apaixonada por esta sombra e quero muito partilhar este presente com uma de vocês!


Para participarem só têm que:
1 - Fazer um like neste post no facebook
2 - Seguir o Entre Vidas e Coisas no facebook aqui e no Instagramaqui
3 - Partilharem este post no facebook

Podem participar até ao dia 22 de Dezembro. O vencedor será seleccionado de forma aleatória e anunciado na nossa página do facebook.

Boa sorte!

Fim da escola/ vivam as férias (ou não)....

Amanhã acaba o colégio! Amanhã começam as férias grandes! Para muitos pais isto é uma dor de cabeça... nós, mais uma vez, temos a sorte de ter duas avós maravilhosas que tomam conta deles, para grande alegria dos miúdos e das avós e, descanso dos pais.
O mês de Julho ficam na ilha com a avó Zezinha, vão a banhos todos os dias, têm aulas de natação logo pela manhã, brincam como lhes apetece e ficam tão cansados que à noite é vê-los tombar. O mês de Agosto vão a Portugal e ficam à responsabilidade da avó Barbara, adoram lá estar, fartam-se de passear, e na hora da despedida pedem sempre para ficar mais uns dias. Entre uma avó e outra passam 3 semanas com os pais. Depois, pais e filhos descansam uns dos outros, a avó Zezinha recupera as forças, e no início de Setembro voltam à ilha para se prepararem (que depois de 2 meses de boa vida é precisa muita mentalização) para mais um ano escolar, fazem revisões da matéria dada, compram-se os livros e materiais, mas continuam a ir a banhos até …

O que eu gostava mesmo, mesmo...só que não!

Sabem o que eu gostava mesmo, mesmo?
Ser hiper mega organizada e preparar os posts do blog com uma semana de antecedência, e mostrar umas fotos super fashion, e fazer uns posts fofinhos e aparecer em todos os feeds e pumbas, ser a maior!
Só que Não!!
Porque essa não seria eu, porque eu não sou hiper organizada, quanto mais mega, porque mesmo depois de fazer uns workshops (com pessoas super profissionais) para ser mais organizada e aprender a fazer uns posts giros e como devem ser, não faço nada, porque o que eu gosto mesmo é de ser espontânea e postar o que me apetece, às vezes com as fotos tortas, porque mesmo não sendo super fashion eu assumo o meu estilo, porque eu gosto da minha vida tal como ela é, e sou feliz com todas as minhas falhas! O entrevidasecoisas é isto e não faz sentido ser outra coisa!
Obrigada a quem nos segue e aceita tal como somos.
ps - este post por acaso foi escrito ontem, num dos meus momentos de reflexão ao Domingo, mas só saiu hoje porque nos entretantos há …